Por: Fernanda

Como diminuir o triglicérides

Triglicérides ou triglicerídeos são os componentes que medem o alto nível de colesterol ruim, por isso saiba como diminuir.

Triglicérides alto é muito ruim para a nossa saúde

Alguns alimentos podem fazer com que seu triglicerídeos aumentem

O Triglicérides, ou colesterol alto, pode aumentar por diversos fatores, como: genética, maus hábitos alimentares, sedentarismo, tabagismo e uso de bebidas alcoólicas.

Os triglicerídeos são moléculas de gordura, que tem como principal função produzir energia suficiente para que o nosso organismo funcione corretamente, isso significa que necessitamos deles.

Em níveis normais, este tipo de gordura fornece energia para os nossos músculos e até mesmo para o nosso coração, porém em excesso, vai colaborar para ocasionar vários problemas, como entupimento das artérias, formação de coágulos, e até mesmo uma inflamação do pâncreas.

Este colesterol é chamado de LDL, mas também temos em nosso organismo o HDL que é o colesterol bom, a diferença entre eles é pequena, porém muito importante. Lembrando que eles precisam estar em harmonia.

Tenha em mente que não é preciso ser obeso para ter o colesterol alto, basta você manter uma vida sedentária e uma alimentação ruim. Por isso os médicos pedem que você faça exames todos os anos, para poder controlar os níveis de colesterol no seu corpo.

Valores normais do triglicérides

Adulto

Inferior a 150 mg/dl
Limítrofes: 150 a 199 mg/dl
Aumentado: acima de 200 mg/dl

Crianças de 10 a 19 anos

Inferior: 130 mg/dl
Aumentado: acima de 130 mg/dl

Crianças até 9 anos

Inferior a 100 mg/dl
Aumentado: acima de 100 mg/dl

Evitar

Açúcar
Farinhas refinadas
Biscoitos
Carne gorda
Bebida alcoólica
Fumo
Comer mais de um alimento rico em carboidrato na mesma refeição (arroz, pão, macarrão, farinha, fubá, batata, inhame, etc.).

Modere

Doces e geleias diets
Pães, cereais e massas
Frutas: uva e tamarindo
Legumes: batata, mandioca, cará, inhame, beterraba.
Carnes vermelhas

Aposte

Doces: gelatina, sorvete diet, adoçantes.
Pão integral, aveia em flocos, centeio, milho, dentre outros.
Cereais integrais ricos em fibras e sem açúcar ou mel
Leguminosas: feijão, soja, ervilha, lentilha (comer apenas um deste grupo, cada vez).
Frutas: laranja, tangerina, melancia, melão, abacaxi, limão e carambola.
Vegetais folhosos
Legumes: vagem, chuchu, brócolis, couve-flor, pimentão, tomate, etc.
Carnes: aves sem pele e peixe de escamas.

Tratamento

Tome cuidado com a quantidade de carboidratos ingeridos, isso porque eles quando em excesso, podem se transformar em gordura ruim. Mas não basta controlar a alimentação, é preciso que você queime calorias e gorduras.

Então a atividade física não poderá sair do seu dia, 30 minutos diários já são suficientes, ou então 20 minutos durante 3 dias associados com exercícios de força muscular com 8 ou 12 repetições cada exercício.

As atividades físicas aeróbicas como: dança, corrida, trote, pedalada e hidroginástica também são ótimas para a redução dos triglicerídeos e aumento do HDL. Este é um exercício muito bom e importante que deve estar combinado com alongamentos.

Não deixe de cuidar da sua saúde, o colesterol é um vilão e você pode combater com facilidade. Mantenha o peso, cuide da alimentação e faça atividade física.

Veja mais sobre como diminuir o triglicérides e o colesterol em:

O que fazer com o Triglicérides alto?

Alimentos para quem tem colesterol alto

Dieta para baixar o colesterol



Nenhum Comentário Quero Comentar!

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Comentário

Pesquise!

Cadastre-se!

Compartilhe!